Tópico inútil

Origem: Malucopédia, a enciclopédia insana
Topico idiota.gif
A opinião das crianças sobre tópicos inúteis

Desde os primórdios da humanidade da internet, a praga do tópico inútil vem assolando fóruns em sites especializados sobre qualquer coisa que não interessa a ninguém. Inicialmente restrito a BBSs e grupos privados de discussão, o tópico inútil foi se infiltrando em salas de chat e IRC, vitimando inocentes internautas que queriam fazer algo construtivo na frente do PC, como falar de Star Trek e outras nerdices.

Com o surgimento de redes sociais como o Orkut, o MySpace, o Facebook e o Twitter, os tópicos inúteis proliferaram como coelhos, pipocando em comunidades e sobrecarregando os servidores de toda a internet. A situação ficou de tal maneira que nem os donos de comunidades, moderadores de IRC e administradores de salas de bate-papo no UOL podiam mais lutar contra o crescimento descontrolado dessa ameaça à humanidade, até que o satânico Google teve uma genial ideia: recrutar mediadores para ajudar os donos de comunidades a conter a onda nefasta dessa cruel pestilência. Logo outros sites copiaram a ideia, forçando os tópicos inúteis a evoluir e se adaptar às novas tecnologias anti-spamicas. Porém os sagrados nerds estão sempre trabalhando para por fim a esse infortúnio.

Ainda não há uma solução definitiva para os tópicos inúteis, porém guerreiros do YouTube encontraram um meio eficaz de combater esse terrível mal que ameaça levar o mundo de volta à Idade Média: