Reino Unido

Origem: Malucopédia, a enciclopédia insana
(Redirecionado de Inglaterra)
Ir para: navegação, pesquisa
Banana illogicopedia.png Este artigo foi traduzido da Illogicopedia, um clone inglês da Malucopédia. Veja o original aqui.


O Reino Unido, ou, se preferir Reino Britânico, ou ainda UKrânia é um bando de ilhotas perdidas perto da Europa, composto principalmente por guris loiros com olhos verdes ou seja, alemães genéricos e que costuma cultuar uma velha caduca como a Rainha. Infelizmente, devido à globalização e a emização de todo o mundo os britânicos também acabam sofrendo, o que faz com que o Manchester United seja um dos maiores orgulhos da rainha, junto com coisas bizarras como o próprio movimento emo, o Príncipe William como cara mais bonito do país, a cultura de que Londres é mais bonita que Paris e até o culto à Harry Potter como maior exemplo de um patriota britânico. Tem como tradição ser contra os americanos, ou seja, o hino nacional, além do God Save The Queen(cantado pelos Arctic Monkeys Sex Pistols Beatles) pode ser também American Idiot, do Green Gay.

Países que compõem essa merda

Não caro malucopediano, não só a Inglaterra mas é como se fosse. Também existem a Irlanda do Norte, Escócia, País de Gales e aFrança. Mas, ninguém liga pra exixtência deles, o mais importante é a Inglaterra mesmo...

O povo britânico

Como todos sabem, é o povo mais antipático do mundo, sempre são calados e nem ligam caso você esteja com um facão de açougue entranhado em seu cu, eles estão mais preocupados com a hora em que eles chegarão ao dentista para finalmente substituir aquele dente podre que ficou preto de tanto beber café pra tentar largar do vício da cerveja do chá, ainda mais porque faltam só 5 horas pra chegarem lá na hora(Oh My God, i'm so late!!- Oh meu Deus, eu estou atrasado), claro, seguindo o rumo do sensacionalismo inglês.

Na realidade todos são loiros igual os alemães porque o povo britânico surgiu após uma relação sexual entre um francês e outro francês e uma índia da área, mas, para que ambos pudessem realizar o ato, teríam que ficar longe, bem longe da localização da tribo da índiazinha. Acabou que pularam no mar como quem não quer nada e logo foram em direção de uma ilha à época inabitada para poderem realizar finalmente o ato.

Os britânicos possuem a tecnologia de armazenamento de aviões à lá sardinha para garantir o bem-estar dos passageiros.

Finalmente quando chegaram, o francês estava louco pra trepar logo, mas, a ínia lembrara que havia feito um tratamento no cabelo que era muito importante, ainda mais porque ela queria se tornar loira. Pediu então um minutinho para o taradão para poder passar a água oxigenada em todas as partes do corpo que tinham cabelo, e, isso inclui as áreas que você estava pensando, caro leitor. Porém, por um descuido, ela acabou passando esse produto em excesso, mas nem ligou, já que ela estava doida para aquele momento acontecer logo e então foi pro ato. Naquele instante, os espermatozóides(sim, aquelas minhoquinhas com uma cabeça grande, que mais parecem minhocas paraibanas) acabaram passando por ali, se misturando com a água oxigenada e curiosamente lutando para sobreviver até chegar ao útero da índia. E não é que seis deles conseguiram? Após isso, eles voltaram à França e só passariam novamente na ilha nove meses depois, já que o francês tarado não estava nem um pouco afim de pagar pensão, jogou a india naquele território ilhado e mandou os filhos junto. Todos os guris nasceram loirinhos, e não boitolados, o que despertou ainda mais a ira do francês em colocar a índia por lá, jáque os filhos não tinham uma das maiores características francesas, a própria viadagem.

Surgia assim a primeira rainha da Inglaterra. Essa india na verdade se chamava Maria Soledade da Conceição Dores das Couves, mas depois de ver uma pequena latinha de querosene francesa com o nome Htebazile, imediatamente decidiu ler de trás pra frente, atitude típica de pessoas inteligentes, e se rebatizou assim. Logo depois os mesmos filhos se mostraram ninfomaníacos, o que possibilitou uma expansão rápida da população da área, que, graças à esses incestos, acabou se tornando a mais recatada do planeta.

Concepções do povo britânico

Normalmente um cidadão britânico esconde suas emoções para parecer mais culto que os demais(atitude imitada por indígenas pelo mundo). Geralmente quando um britânico diz que é invariável à qualquer emoção, significa que se o periquito que ele cria desde os 2 anos de idade morrer, ele entrará em depressão crônica, correndo o risco até de emoldurar uma estátua do bichinho e venerá-la em sua casa(na dele, não na sua, idiota!). Se ele disser que é fã dos Beatles, ele é fã mesmo dos Rolling Stones ou do Restart, e se ele disser que os novatos por aí estão arruinando o pop, significa que os britânicos estão arruinando o pop.

Linguagem

O país é talvez mais conhecido como sendo o berço do idioma Inglês, que oficialmente morreu em 1998, quando a americanização total do Reino Unido foi alcançada. Pouco depois, os elementos do Inglês britânico assimilado com Inglês americano foramaram uma nova linguagem confusa, que mais tarde incorporou aspectos do sueco e do emuxês exterior para formar o Inglês da Internet. Como resultado, a palavra esôfago possui mais de oito mil traduções independentes e variáveis para o inglês.

Veja também