Aracaju

Origem: Malucopédia, a enciclopédia insana
Ir para: navegação, pesquisa
Wikisplode.gif
A nossa sátira autorizada, a Wikipédia, tem um artigo sobre: Aracaju.

Aracaju é uma cidade insignificante e pequena do estado de Sergipe, que é uma bosta que ninguém liga, ela tem o tamanho de um cu de tão pequena que ela é que depois de fazer uns 10 minutinhos de viagem, você estará em outro município. A cidade é famosa por exportar os maiores zés para a cidade de São Paulo, por exportar canhões para as periferias da cidade de Rio de Janeiro e exportar maconha e crack para os Estados Unidos e Europa.

História de Aracaju[editar]

Típico habitante da cidade de Aracaju.

Os escravos da cidade de Salvador estavam cansados de serem escravizados, então os escravos planejaram uma fuga para um lugar que favoreça o típico da negrada, com muita mata, muito coqueiro e calor demais daqueles que podem fazer mais de 666º C à vontade. Depois de 2 meses, os escravos arrumaram as suas malas, bem, os escravos não tinham malas pois eles eram uns malas, então cada um deles carregaram as coisas nas costas.

Para um bando ir em um lugar onde atualmente é a cidade de Aracaju, foi preciso cada um ter cheirado 458 maconhas e umas 88 pedrinhas de crack. Depois da sucessiva viagem, fixaram numa boa e foram viver como viveram na África, assim se reproduziram feito animais e foram surgindo neguinhos e mais neguinhos, necessários para negrar o lugar.

Depois de um bom tempo, a negrada se misturou com outras pestes brabas e surgiram um povo ignorante e idiota pra caramba, e esse povo consiste em reclamar pra caralho dos seus pobremas e não resolver nada! NADA!!!

Economia de Aracaju[editar]

A economia da cidade é meio liberal, ou seja, quem quiser que foda com a economia dessa porra que se chama de cidade sendo que nem merece ser chamada de uma.

O que faz a economia se manter muito bem é o tráfico de dorgas drogas, contribuindo com suas 893 toneladas de maconha e crack. Não só como tráfico de drogas, como também com os sucos e o desmatamento, os sucos só podem ser vendidos pela empresa Maratá, se uma concorrente surgir, a Maratá owna e depois mata.

Casa de luxo em um bairro nobre de Aracaju.

O desmatamento é uma das fontes, frota de caminhões vão para a cidade cortar árvores tropicais que são muito valiosas internacionalmente, isso já resultou em um problema, para resolverem o problema, o governo sergipano mandou plantar tudo de volta, mas que ele não plantou as nativas, ele plantou as que são espécies invasoras que no futuro irá acarretar sérios problemas. As que estão plantadas no solo aracajuano são amendoeiras, mamonas e eucaliptos.

Clima de Aracaju[editar]

O clima da cidade é tropical lixo infernal BP (bosta pura), a mínima de 28º C, média de 254º C e máxima de 666º C. Temperatura anual de 452 graus. O clima dessa porra nem faz frio, só consegue fazer aquele calor desgraçado que evapora todo o seu suor, deixa a sua pela feia, nojeita, com cor de rosa choque e contribui para o câncer de pele com direito a tumores malignos. Por isso que o câncer de pele rola solto em Aracaju.

Lazer de Aracaju[editar]

Uma casa de classe média em Aracaju.

Aracaju só tem dois shopping, o Riomar e o Jardins, e o pior é que os dois fazem parte do mesmo grupinho, ou seja, não há concorrentes, então podemos dizer que Aracaju só tem um shopping, praticamente.

Aracaju é tão pobre que os estacionamentos no shopping é de R$ 456 reais com mais um extra de 25 centavos. Para você burlar isso, é necessário subornar o guarda com 45 pézinhos de canas de açúcar, sendo que lá a cana vale diamantes.

Se não quiser ir pro shopping, pode ir para uma das praçinhas que tem em alguns bairros, a entrada é de 50 centavos, saída é de 5 centavos e o estacionamento é de 65 centavos, o guarda é o maior maconheiro da cidade e tem 16 anos de idade, sendo que a mãe é lavadora de roupas e o pai é ferreiro.

Infraestrutura de Aracaju[editar]

Os serviços da cidade, bem, as empresas conseguem dizer que eles são os melhores mas que na verdade eles são os piores, e todos eles são uma só única opção, isso devido ao fato da cidade de Aracaju ser muito pobre e arrombada e a justificativa que o povo dá é aquele papo furado de que Aracaju é uma cidade pequena, aí fode tudo, os serviços são os que tem que obtê-los e pagá-los muito bem, se você não obter,

Putinha pobre que pegou o leite condensado e colocou o nome do "marido" no corpo.

você se fode, se você não pagar bem, você fica com o seu nome sujo na praça.

As empresas que oferecem os serviços são exageradamente monopolistas, sendo que elas conseguem expulsar qualquer concorrente que surja.

Turismo de Aracaju[editar]

Em Aracaju não há turistas estrangeiros, não existem mesmo, eles sempre estão em falta, e nunca haverá um deles nem fodendo, e esse é um dos motivos de Aracaju ser uma completa bosta esquecida no mundo.

Os turistas são os baianos e os paulistas. Os baianos visitam a cidade para comparar algumas coisinhas como obras e compará-las com as da cidade deles, se tiver uma coisa inferior o circo pega fogo, se bem que tudo em Aracaju é inferior em comparação a qualquer cidade.

Os paulistas visitam a cidade com dó.

Educação de Aracaju[editar]

Peitos de uma aracajuana gostosa!

Educação? Não existe educação na pequena Aracaju, a educação naquela cidade é precária! Os meninos com 2 anos de idade aprendem a xingar muito bem como os adultos, depois disso vão ser traficantes na cidade de Rio de Janeiro, quase todos eles morrem cedo com uns 13 ou 19 anos de idade.

As meninas de 9 anos começam a ter relações sexuais com velhos de 68 anos, todos eles com dentes podres porque nunca escovaram os seus dentes, depois disso as meninas viram putinhas sucedidas nas escolas, vão pra escola só para dar o cu. Tudo isso acontece porque Aracaju não tem educação!

Saúde de Aracaju[editar]

A saúde é precária, os hospitais precisam de reforma urgentemente e os políticos não fazem nada pela cidade, qualquer aracajuano que quer ir para o hospital precisando de uma cirurgia urgente tem que ir para aquela fila infernal, e com a falta de médicos na área que ultimamente a cidade vem enfrentando, todos eles morrem na fila, e quando morrem, costumam jogar os cadáveres para as onças e os canibais comerem sem deixar ossos.

Ver também[editar]

Ligações externas[editar]